segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Opinião de Um Sobrevivente ao Câncer: As Lições Que Podemos Aprender Com Steve Jobs

Mamíferos…
O site
Cult of Mac publicou esta manhã um artigo escrito por um homem que vive com um câncer há três anos. Ele dá sua visão sobre o comportamento de Steve Jobs, CEO da Apple, diante da doença que teve (e que suspeita-se que voltou).

O texto merece ser traduzido aqui na íntegra, principalmente para os que acreditaram em um tablóide sensacionalista americano que chegou a conclusão falsa de que Jobs teria apenas 6 semanas de vida apenas baseado em uma foto.

image

Todos nós podemos aprender com o exemplo de Steve Jobs
Por Graham Bower

Para pessoas como eu, e os outros 28 milhões que vivem com câncer, personalidades como Steve Jobs são exemplos incríveis. Quando eu fazia quimioterapia, há três anos, fui muitas vezes tentado a pensar “Por que eu?“. Mas aí eu me perguntava, “Por que Steve Jobs? Por que Lance Armstrong?”. Refleti sobre as coisas notáveis que eles alcançaram após o início do tratamento. O seu exemplo inspirador me ajudou muito mais do que eu posso dizer com palavras.

Steve Jobs prefere não falar sobre seu câncer. Ele prefere se concentrar em seu trabalho. Devemos respeitar sua escolha.

Quando alguém não está bem, a última coisa de que precisa é de um monte de gente fazendo alarde sobre isso. E se optar por manter suas questões de saúde para si mesmo, seus desejos devem ser respeitados. Ninguém tem o direito de saber a condição médica de outra pessoa.

Discutir publicamente o estado de saúde de alguém e especular sobre o seu prognóstico é desrespeitoso e desnecessariamente negativo.

Quando eu fiquei doente e fui submetido à quimioterapia, eu tive a sorte de ser capaz de continuar o meu trabalho diário, administrar uma empresa de pequeno porte. O que tornou isso possível para mim foi a força interior, o pensamento positivo e o incentivo da minha família, amigos e colegas em torno de mim, que tinham a abertura de espírito suficiente para se concentrar no que eu poderia fazer, e não naquilo que eu não podia.

Nenhum de nós está imune a doenças ocasionais. Uma em cada seis pessoas no mundo são diagnosticadas com câncer em algum estágio de sua vida (uma em cada três os EUA). Todos nós [que temos a doença] precisamos de espaço para começar bem, do nosso próprio jeito, e com a ajuda de profissionais médicos qualificados.

Se você conhece alguém que está vivendo com câncer, a melhor maneira de ajudá-lo é dar foco nos aspectos positivos, dar-lhes o espaço para lhe contar muito ou pouco, de acordo com sua vontade, e ter a mente aberta sobre o que eles são capazes de alcançar .

O ano de 2011 promete ser incrível para a Apple. Vamos nos concentrar nisso e deixar a oncologia para os profissionais.

Texto original em inglês.

Postado Por: Assinatura
Fonte: Blog do iPhone

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails

Ultimas Postagens